Moqueca de peixe com molho de camarão - Moqueca baiana!

September 29, 2015

Só de escolher as fotos para o post já fiquei com água na boca! A receita de hoje conta com participações mais do que especiais! A mãe de Jamis (aka Viver Uruguay), Dona Tania, está de visita por essas bandas e, quando eu soube que ela é uma cozinheira de mão cheia, não hesitei em aproveitar a oportunidade de provar o tempero baiano da Dona Tania!

 

Com uma desenvoltura de cozinheira nata, ela preparava os temperos, os peixes e tratava os ingredientes com um cuidado que dava gosto de ver. Eu tinha a impressão que fazer uma moqueca era algo super elaborado, mas nem pareceu difícil vendo Dona Tania dar um show de destreza na hora de preparar essa iguaria da culinária baiana em tão pouco tempo!

 

INGREDIENTES

 

2 filés de corvina com pele

500 gramas de camarão

1 pimentão verde

1 cebola

2 tomates

200 ml de leite de coco

100 ml de azeite de dendê

1 maço de coentro

2 limões

[alho + azeite + sal + pimenta]

 

MODO DE PREPARO

 

Amasso quatro dentes de alho com sal, azeite, suco de dois limões e algumas pimentas picadinhas (usei pimenta caiena desidratada). Corto os filés de peixe em pedaços. Limpo os camarões retirando inclusive cabeça, patas e rabo, mas deixo algumas unidades inteiras. Passo os pedaços de peixe no tempero de alho, sal, azeite e limão e vou distribuindo no fundo da panela com a pele para baixo.  Coloco também os camarões com casca e cabeça distribuindo-os entre os pedaços de peixe.

 

Preparo um segundo tempero picando metade da cebola em cubinhos pequenos e metade em rodelas grossas para decorar. Pico meio tomate em rodelas e o restante em cubinhos. Pico o coentro e faço rodelas com o pimentão verde. Tempero os camarões sem casca com um pouco essa mistura e deixo reservado para colocar na panela uma vez que o peixe já esteja cozinhando. Distribuo o  restante desse tempero sobre o peixe e o camarão que já estão na panela.

 

Coloco as rodelas de cebola, tomate e pimentão sobre os pedaços de peixe. Adiciono então o leite de coco, tampo a panela e ligo o fogo. Assim que levantar fervura, acrescento o azeite de dendê. Quando o cozimento do peixe já está adiantado, coloco no centro da panela o restante dos camarões que estavam reservados. Fecho a panela novamente e deixo ferver em fogo baixo até cozinhar os camarões.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Dona Tania retirou um pouco do caldo de cozimento da moqueca e preparou um pirão com farinha de mandioca delicioso para acompanhar. Servimos a moqueca com pirão e arroz branco.

 

Eu nunca tinha provado uma moqueca. Senti um pouquinho a pimenta na primeira garfada, mas depois me habituei com a explosão de sabores e adorei! Preparem-se para ver muitas fotos e animem-se a fazer essa receita em casa também!

 

MUITO OBRIGADA de verdade a Jamis e a Dona Tania por toparem essa participação especial no blog! Adorei e foi incrível aprender a fazer essa iguaria típica da culinária baiana. A minha cozinha ficou com cheiro de Bahia e quase parecia que estávamos no Brasil! :)

Bom apetite! :)

Dona Tania é tímida para as fotos, e eu e Jamis esquecemos de tirar fotos naquele dia, mas deixo aqui uma foto nossa que sem dúvida é a minha favorita! :) OBRIGADA! 

 

 

Please reload

Posts Destaque

Nhoque suflê de espinafre!

May 26, 2017

1/10
Please reload

Posts Recentes

April 6, 2017

Please reload

Busca palavra-chave
Arquivo
Please reload

Instagram